Últimas Notícias

Esse tipo de facada quando não mata, ELEGE.

Por Gesiel Oliveira


No dia da independência do Brasil, renasce nossa esperança. É simbólico, às vésperas do dia da independência, um esquerdista tentou matar nossos sonhos. A facada não foi em um candidato, foi na democracia, quem sangrou não foi só o Bolsonaro, foi o Brasil. Um ataque bem ao estilo sórdido de traição, covardia e ódio declarado pela esquerda. Agora tudo está mais claro que nunca, que estamos diante de uma luta do povo brasileiro contra a imprensa, contra o sistema, contra a corrupção, contra poderosos, contra a depravação ideológica vermelha, essa doença ideológica marxista que cria monstros como o pedagogo e militante psolista Adelio Bispo de Oliveira, cria mentes insanas, que são capazes de atos terroristas, inspirados em seus maiores ídolos como Che Guevara, Fidel Castro, Lenin, Maduro etc. Veja que o terrorista que tentou matar Bolsonaro não é um apedeuta, e sim alguém graduado em universidade pública, um dos tantos soldados doutrinados pelo ódio acadêmico vermelho.

Leia Mais...

Pastor Gesiel Oliveira é Vice Presidente da Assembleia de Deus da Zona Norte em Macapá.