Confrontações Pressuposicionais - Vincent Cheung



Começaremos com uma breve discussão sobre o papel determinativo das pressuposições em nosso pensamento, particularmente na construção das nossas cosmovisões, religiões e filosofias. Todos os argumentos são, no final das contas, estabelecidos somente apelando-se à validade dos nossos primeiros princípios.
Após isso apresentaremos uma exposição da confrontação de Paulo com os filósofos e a população de Atenas em Atos 17, e como deveríamos espelhar sua postura quando fazendo apologética e evangelismo hoje. Contudo, os princípios que aprenderemos ali, não se aplicam somente à apologética e ao evangelismo, mas a todas as esferas do pensamento cristão, incluindo a construção de formulações teológicas e os ministérios de pregações que são fiéis à revelação bíblica.



Este site contém links para outros sites, cujos conteúdos são de responsabilidade dos respectivos proprietários. Dúvidas sobre os links aqui publicados, avise-nos pelo e-mail: contatogospelbook@gmail.com, tomaremos as providências necessárias imediatamente.